terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

 
Acabei de receber um telefonema de uma Sra que não compreende que a vida que levamos quando queremos fazer um trabalho sério é do mais desgastante possivel. Estou exausta e atendi o telefone c uma voz meia triste e rouca tb por estar, fazia algum tempo, sem falar. Perguntei qual o assunto, e a Sra disse com voz elevada q eram gatos, claro. Ao que respondi se de gatos para adopção ou gatos que prec...isavam de ajuda. Ouvi o q nunca esperaria, "parece que estou a ligar para a morgue e francamente, já arranjei donos para mts gatos da EG e a partir de agora isso ia acabar". Tentei justificar dizendo que estava exausta e perguntei se tinha sido mal educada com a Sra ao que respondeu que a conversa acabava aqui mesmo e desligou, depois disso ligou-me para o outro nº e ouviu a minha voz e desligou tb.

Desta vez não atendi o telefone com flores na voz e acredito que nos próximos tempos não o faça com tantos casos que temos em mãos para tratar e outros que ainda não conseguimos tratar e estes ainda nos deixa mais tristes e frustrados. Andamos exaustos e como toda a gente temos momentos melhores e piores. Nunca fui mal educada com ninguém a não ser que o tenha merecido pq as pessoas que nos ligam acham q podem dizer tudo e que nos só temos é que encaixar e se dizemos algo que vai contra o que estavam à espera já somos mal educados.

Quem me conhece sabe que não mando dizer por outros e sendo frontal, se não estão acostumados a pessoas que o sejam, passo a ser arrogante e mal educada.

Espero que a Sra que me ligou leia esta mensagem e tente perceber que uma Associação com um trabalho sério tem tanto que fazer não só com os animais mas tb em trabalho paralelo que não passa pela cabeça da maioria das pessoas. Somos poucos para o trabalho que temos e há dias mais fáceis que outros.

ema cardoso

Etiquetas:


Comentários:
Acabei de ler o desabafo da pessoa que faz um esforço para manter de pé uma associação que tem por princípio fazer bem, dentro das possibilidades, aos gatos. Obviamente que a senhora que telefonou não deveria ter tido um dia muito agradável, pois também se nota, pela insistência dos telefonemas, e pelo teor da conversa, que é alguém que também se preocupa muito com os animais, nomeadamente com os gatos, que preza tanto e procura dar-lhes um lar. A esta senhora, que fez o telefonema, peço-lhe que reconsidere, e que continue a dar um lar aos pobres gatos que tanto precisam, e que continue a praticar o bem que até aqui tem feito.

Quanto à pessoa que dirige a Entre Gatos, continue a ter paciência com alguns telefonemas, que às vezes podem não correr tão bem, mas que no fundo, a intenção é sempre a mesma, isto é, ajudar os animais, e que continue também a praticar o bem que tem feito aos gatos, com todas as suas forças, não só para os proteger, mas para prover-lhes o lar que eles tanto merecem.

Uma boa noite para ambas
 
Obrigada pelas suas palavras.
 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]



Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação



<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]